Éramos tão diferentes

Éramos tão diferentes… Seu pensamento me irritava e você fazia coisas que eu odiava, no entanto, eu ignorava, às vezes até fechava os olhos porque tudo o que eu não queria era brigar porque me desentender com você parecia o fim.

Eu tentei encontrar explicações para o seu descaso e elaborei desculpas por você só para me convencer de que não é um ser humano tão ruim assim, precisava de um bom motivo para não me sentir mal por te amar.

Eu tentei te encontrar em outras pessoas, qualquer semelhança, características físicas ou traços da sua personalidade (uma das coisas mais erradas que fiz). E eu achando que já tinha superado, que estava seguindo em frente…

Eu o esperei todos os dias durante todo o tempo de cada dia ansiosa por mais de um ano, eu estava tão cega que te esperei mesmo quando tive a certeza de que não queria voltar. Eu me enganei por tanto tempo só para reviver as tão poucas lembranças e não perder o pouco que guardei de você em mim.

Meu coração, minha alma, eu, nada será como antes, não se pode consertar um copo de vidro, não se pode colar os cacos nem mesmo limpá-los sem uma consequência desastrosa.

Scan0046hjh

bn

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s